SARACOTEANDO POR AI!

Será que mule está na moda?

Ultimamente tenho apresentando várias opções de mules por aqui, não é mesmo?! Pois é, tenho destacado bastante o tema, porque é uma modelagem de calçado flat que está super em alta.

Sei que tem muita gente por aí que torce o nariz e não é um calçado fácil de se coordenar a produção de cara; É necessário um certo apuro estético e principalmente exercício, tem que ir testando, se identificando e também achar um com um design que tenha mais a ver com a sua personalidade e seu estilo.

Portanto, acredite: a mule vai bombar e ficar por aí por algum tempo ainda!

E assim, minha sugestão para o look deste domingo é uma mule pointed, ou seja, com um bico acentuadamente fino, detalhe da tira na parte central do pé com fivelas o que dá um peso maior ao calçado.

Diante de todo o restante da sua produção é um calçado que se impõe, mesmo em designs mais simples por conta das fivelas, ganhando uma mescla de minimalismo e rocker.

Vale experimentar, hein?!

RICH AND LUX

Bota é bota?

Bota é bota, certo? Não, a resposta não é tão óbvia assim! Atualmente as marcas investem cada vez mais em designs diferenciados e com isso, o resultado nem sempre é um bota comum e corriqueira. Naturalmente, que por uma questão de demanda de mercado, há as modelagens mais clássicas e tradicionais de botas, já que é o que muita gente prefere. Entretanto, são nos detalhes das botas que, aos poucos, elas vão se desligando do formato tradicional e incorporando pitadas de informações de moda, elementos arquitetônicos entre outras coisas e no final se destacam em propostas de calçados bem arrojadas.

 Por isso tudo que comentei acima, uma boa sugestão para a produção de um sábado mais gelado é incrementar o look com uma bota semelhante, com um design mais arrojado no salto e cano mais recortado do que o estilo típico, das botas.

Nadando com a corrente das produções mais minimalistas este tipo de calçado é uma boa opção, pois é onde o restante do look ganhará mais peso e presença. Porém, mesmo que você opte por outros estilos de coordenação de peças, o resultado sempre ficará interessante, inclusive o tradicional calça jeans e jaqueta caem super bem!

FREE FRIDAY!

Quer sapato com laço grande?

Vira e mexe você vê por aí, nas revistas, Pinterest e afins aqueles sapatos super sofisticados, de marcas mega famosas com aqueles laços estruturados na parte traseira de um scarpin ou na tornozeleira de modelos que são tipo pulseira.

Mas, verdade seja dita, por hora não chegamos neste patamar da sofisticação, então o jeito é improvisar e criar detalhes que pareçam sofisticados, sem que fiquem muito caricatos ou com acabamento feio.

Portanto, a dica de hoje é um tipo DIY com um modelo de calçado, de sua preferência, porém que possuam tornozeleira.

Acompanhe o quadro abaixo:

Você vai precisar de:

  • 1 par de calçado com tornozeleira

  • elástico de gorgurão largo preto

  • velcro preto

  • cola

  • frio preto

  • agulha

  • tesoura

Como começar?

1) Faça o laço, amarre e dê um pontinho no centro apenas para firmar com o fio preto e a agulha.

2) Faça uma espécie de tornozeleira com outra parte do gorgurão, que possa ficar presa na parte da tornozeleira do calçado.

3) Cole um pedaço do velcro no laço e a outra parte na tornozeleira de gorgurão que você fez no passo anterior. Espere secar.

4) Depois de secos os velcros, junte o laço na tornozeleira de gorgurão que você fez e assim, você terá o calçado pronto com o laço estruturado.

Este tipo de calçado é uma boa opção para quem gosta de produções mais girlies com um toque glam.

Vale a pena tentar, não é mesmo? E quando não quiser usar o calçado desta maneira basta tirar a tornozeleira de gorgurão, já que é o que sustenta o laço.

RELEASE DAS ESTAÇÕES

Bota de Cano Médio e Solado Tratorado

No outono/inverno as botas, como sempre, são itens indispensáveis, porque elas ajudam a manter a temperatura dos pés mais quentinhas nos dias de frio, proteger os pés nos dias de chuva, dão um toque super característico de inverno aos looks.

Assim, dentre tantas as opções de botas que temos visto por aí, hoje é a vez de falar das botas cano médio com elástico nas laterias, inspirada na modelagem das chelseas e o solado tratorado, que proporciona mais peso ao resultado final da produção, dando um perfume mais rocker.

Dá uma espiadinha nas inspirações:

1. Bota de cano médio, cabedal todo preto com elástico nas laterais, salto baixo e solado ligeiramente tratorado, da Bottero.

2. Bota de cano médio, cabedal acamurçado caramelo com elástico marrom nas laterais, salto médio e solado discretamente tratorado, da Dakota.

3. Bota de cano médio, cabedal marrom, com biqueira estilo derby, elástico marrom nas laterais, detalhe de tira com fivela no meio do cabedal, salto alto grosso e solado tratorado, da Parô.

4. Bota de cano médio, cabedal metalizado em specchio com detalhes em florão, elástico nas laterais, porém revestido pelo mesmo material do cabedal, salto alto grosso e solado tratorado, da Santa Lolla.

Este tipo de modelagem de bota é uma boa opção para o dia a dia, pois são confortáveis, fáceis de calçar e versáteis para se coordenar por exemplo com; calça jeans e jaqueta jeans, calça destroyed com jaqueta de couro, legging de vinil e até mesmo um look mais boho ou gipsy caem super bem.

SAPATO É COISA SÉRIA!

Minha experiência com modelagem – Parte 2

Lembra do post da semana passada? Contei sobre a primeira etapa para aprender modelagem de calçados e a importância de se empapelar certinho a fôrma do calçado.

Pois bem, depois de concluída essa etapa, vem a seguinte que é tão importante quanto. Ela se caracteriza essencialmente em aprender a fazer a marcação dos principais pontos de um calçado, etapa chamada de base referencial.

Para começar você vai precisar de:

  • Fôrma empapelada

  • Fita métrica

  • Lápis

Depois de já ter todo o aparato em mãos, separados é hora de mãos à obra, para ir descobrindo os principais pontos. Aqui eu poderia ficar explicando por horas, ponto a ponto, mas encontrei um vídeo que ilustra de maneira bem prática esse processo, veja só:

 

Não é tão difícil quanto parece em um primeiro momento, mas é questão de ir treinando, vá exercitando, veja o vídeo e pare quando achar necessário, vá assistindo em doses homeopáticas, que ao final tudo parecerá mais evidente para você.

 

E… o resultado será esse! Você poderá notar as marcações, perceber onde cada parte do “futuro” calçado terá que passar ou não e a partir disso é possível começar a construção de um modelagem específica que você desejar.

Não ficou claro para você de imediato? Não se acanhe, é assim mesmo, repita o processo quantas vezes achar que precisa até você entender tudinho, até porque modelagem é fruto de treino e repetição.

Exercite ao máximo, aos poucos você vai descobrindo! Não desista!

Semana que vem tem mais!

ESPECIAL

Identidad en la moda

¿Hay identidad en la moda?

Esta es una pregunta o una cuestión muy larga, pero les escribo aqui mi punto de vista. Por lo tanto, en mi opinión, a lo largo de los últimos años la moda esta cambiando y hoy, creo que principalmente, para la gente que trabaja con el tema se da cuenta de tantas transformaciones.

La moda es algo que para mucha gente es algo banal u tonta, que no le dan importancia, pero es tema fundamental en la historia de la humanidad, es donde y como podemos observar las evoluciones históricas y sociales. Por ejemplo, cuando miramos una foto es posible incluso, saber la época y lo que pasaba en la vida de la gente, por medio de la ropa.

Ahora hablamos del tiempo presente, lo que me parece más interesante y importantísimo es la cantidad de opciones que tenemos, de estilo y tipos para que cada persona se encuentre exatamente en su identidad. Pero, incluso es fundamental decir que hay mucho que cambiar todavía.

 

Total que la gente que arriesgase a cambiar los estilos y llevarse con una ropa distinta, transmite la idea de conocimento de la moda, de las tendencias e informaciones de la cadena de moda. Pero eso hay que agrandarse, que tomar más gente, porque el papel fundamental de la moda es dar más opciones a la gente y para que cada  una de las personas puedan eligir de modo satisfactorio su exacto estilo y consecuetemente que puedan elegir su autentico estilo, lo que le haga más feliz para vivir su vida.

Que efectivamente, la ropa, los zapatos, bolsos y demás accesorios sean una herramienta que la gente pueda utilizarse a su favor, que les traga realmente ventajas y jamás en contra.

MUNDO MANOLETINA

Inspiração Specchio

O metalizado está para todos os lados, já notou? Pois bem, nos calçados há uma variedade de tipos e modelagens que ganham ainda mais identidade com os metalizados.

Dando uma breve explicação, o specchio é um tipo de material metalizado que se assemelha muito com o efeito do espelho e …. sim dá para observar o reflexo através do sapato!

As sapatilhas specchio dão um efeito incrível em qualquer produção, acrescentando luminosidade e claro, personalidade. Não precisa ter receio de usar e ter medo de se sentir diferentona, porque este é o mote da estação, criar a sua identidade na hora de montar o look, portanto sair do estilo comum e corriqueiro é o que mais interessa.

1. Sapatilha specchio com modelagem estilo chanel, da Tabita.

2. Sapatilha specchio com cabedal de bico fino e pala estilo mocassim, da Vicenza.

Então, dá só uma olhada nesta inspiração de um look de uma mulher mais clássica e sofisticada, onde todo o conjunto é sóbrio, porém não passa discretamente por conta do ponto focal nos pés com a sapatilha estilo chanel em specchio.

O resultado fica equilibrado, atemporal e com informação de moda, ao mesmo tempo.